ESTUDO DA REDUÇÃO DE REAGENTES NA DETERMINAÇÃO DE PROTEINAS EM ALIMENTOS - MÉTODO DE KJELDAHL

Claudia Maria Tomas Melo, Samara Ferreira Araújo, Carla Regina A. dos Anjos Queiroz, Eduardo Santos Almeida

Resumo


Os métodos de determinação de proteínas em alimentos normalmente baseiam-se na determinação de nitrogênio, sendo que o método de Kjeldahl é considerado padrão. O objetivo deste trabalho foi propor a redução da quantidade de reagentes utilizados e resíduos gerados nesta análise química, além dos custos operacionais. A metodologia consistiu em três etapas básicas: digestão, destilação e titulação, as quais utilizam grandes quantidades de reagentes, tais como ácido sulfúrico p.a, hidróxido de sódio 50%, além de catalisador para reduzir o tempo da digestão da amostra e ácido bórico a 4% para recolher o nitrogênio proveniente das proteínas. Para isso, foram realizados experimentos, consistindo de 4 tratamentos com 5 repetições, visando reduzir a quantidade e concentração dos reagentes. Em cada tratamento proposto foi reduzida determinada quantidade dos reagentes utilizados nesta análise. A determinação de proteinas foi realizada em amostras de 10 alimentos, sendo verificado que é possível reduzir em aproximadamente 50% os reagentes utilizados pelo método em questão. Tal ponto vai de encontro à química verde, que ainda é desvalorizada em muitos laboratórios de ensino e pesquisa. A química verde busca fazer com o que a indústria eliminine ou atenue os impactos de seus processos e produtos, tornando os processos químicos ambientalmente mais eficientes.

 


Palavras-chave


Análises de alimentos; Química verde; Redução de resíduos.

Texto completo:

PDF

Referências


ALBERGUINI, L. B. A. Gerenciamento e tratamento de resíduos químicos. In: ENCONTRO NACIONAL SOBRE METODOLOGIA DE LABORATÓRIOS DA EMBRAPA, 10., São Carlos, 2005. Resumos... São Carlos: Embrapa Pecuária Sudeste, 2005.

ASSOCIATION OF OFFICIAL ANALYTICAL CHEMISTS. Official methods of analysis of the Association of Official Analytical chemists. 14. ed. Washington, 1984.

BARBOSA, J. C.; MALHEIROS, E. B.; BANZATTO, D. A. ESTAT: um sistema de análises estatísticas de ensaios agronômicos. Jaboticabal: UNESP-FCAV, 1992.

CECCHI, H. M. Fundamentos teóricos e práticos em análise de Alimentos. 2. ed. Campinas: Unicamp, 2003. 207p.

FERREIRA, F. N.; MONTEIRO, M. I. C.; SILVA, L. I. D. Determinação de nitrogênio total em amostras de rocha petrolífera pelo Método Kjeldahl / Indofenol. In: JORNADA DO PROGRAMA DE CAPACITAÇÃO INTERNA DO CETEM, 1., 2007. Rio de Janeiro. Anais... Rio de Janeiro: CETEM, 2007.

LENARDÃO, E. J.; FREITAG, R. A.; DABDOUB, M. J.; BATISTA, A. C. F.; SILVEIRA, C. C. "Green chemistry": os 12 princípios da química verde e sua inserção nas atividades de ensino e pesquisa. Química Nova, São Paulo, v. 26, n. 1, p. 123-129, 2003.

GREENFIELD, H.; SOUTHGATE, D. A. T. Datos de composición de alimentos: obtención, gestión, utilización. 2. ed. Roma: FAO, 2003. 321p.

INSTITUTO ADOLFO LUTZ. Métodos químicos e físicos para análise de alimentos. 3. ed. São Paulo: IMESP, 1985. v. 1, p. 533

LOPES, D. C.; SANTANA, M. C. A. Determinação de proteína em alimentos para animais: métodos químicos e físicos. Viçosa: UFV, 2005. 98p.

LYNCH, J. M., BARBANO, D. M. Kjeldahl nitrogen analysis as a reference method for protein determination in dairy products. Journal of AOAC International, v. 82, p. 1389-1398, 1999.

MELO, E. I. Análise Físico-Química de Alimentos. SENAI, Uberlândia, 2005.

MIWA, A. C. P.; FALCO, P. B.; CALIJURI, M. C. Avaliação de métodos espectrofotométricos para determinação de proteína em amostras de lagoas de estabilização. Engenharia Sanitária Ambiental, v. 13, n. 2, p. 236-242, 2008.

SILVA, D. J.; QUEIROZ, A. C. Análise de alimentos (métodos químicos e biológicos). 3.ed. Viçosa: Universidade Federal de Viçosa, 2009. 235 p.

SILVA, M.S.; NAVESM M.M.V.; de OLIVEIRA, R.B.; LEITE, O.S.M. Composição Química e Valor Protéico do Resíduo de Soja em Relação ao Grão de Soja. Ciência e Tecnologia de Alimentos, Campinas, v. 26, n. 3, p.571-576, 2006.

SIMEONE, M. L. Implementação de um programa de gerenciamento de resíduos em laboratórios. In: ENCONTRO NACIONAL SOBRE METODOLOGIAS DE LABORATÓRIOS DA EMBRAPA, 10., São Carlos, 2005. Resumos… São Carlos: Embrapa Pecuária Sudeste, 2005.

NÚCLEO DE ESTUDOS E PESQUISAS EM ALIMENTAÇÃO. Tabela Brasileira de Composição de Alimentos. 4. ed. Campinas, SP: UNICAMP, 2011. Disponível em Acesso em: 7 de ago. 2013.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.

Avaliação Qualis-Capes confirma a importância da revista científica do IFTM

A Revista Inova Ciência & Tecnologia / Innovative Science & Technology Journal (RICT/ISTJ), publicada pela EDITORA IFTM, é bem avaliada pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES).

Confira a classificação por áreas no Qualis-CAPES 2017:

ENSINOB3
EDUCAÇÃOB4
ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA E DE EMPRESAS CIÊNCIAS CONTÁBEIS E TURISMOB4
CIÊNCIAS AGRÁRIAS IB5
ENGENHARIAS IB5
CIÊNCIA DOS ALIMENTOSC

O Qualis 2017 é um conjunto de procedimentos utilizados pela CAPES para estratificação da qualidade da produção intelectual dos programas de pós-graduação.

Atualmente, a Revista Inova Ciência & Tecnologia possui 6 indexadores:

Indexadores

Abbreviated key title         Rev. Inova Ciênc. Tecnol. (Online)