MÉTODOS SENSORIAS UTILIZADOS EM ESTUDOS DE ACEITAÇÃO E PREFERÊNCIA DE ALIMENTOS POR CONSUMIDORES INFANTIS: UMA REVISÃO

Caroline Geoffroy Ribeiro, Ellen Mayra Menezes Ayres, Paulo Sérgio Marcellini, Alexandre Porte

Resumo


Sabe-se que a obesidade é hoje um problema mundial e que os hábitos alimentares são formados durante a infância, logo, se faz necessário entender as preferências e escolhas alimentares de consumidores infantis por meio da aplicação de métodos sensoriais estimulando o consumo de frutas e hortaliças. No entanto, alguns testes podem apresentar limitações nos resultados dependendo da faixa etária a ser trabalhada. O desenvolvimento cognitivo que acontece durante a infância justifica o fato de a criança apresentar instabilidade durante a realização dos testes. Este trabalho teve como objetivo revisar as principais técnicas sensoriais empregadas em estudos de aceitação e preferência de alimentos com consumidores infantis. Além disso, o trabalho buscou discutir os fatores de influência e a relação da idade na aceitação e preferência deles, bem como revisar o desenvolvimento de novos instrumentos que visem estimular a formação de uma alimentação mais saudável em crianças.


Palavras-chave


Análise sensorial; Crianças; Escolha alimentar;

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.

Avaliação Qualis-Capes confirma a importância da revista científica do IFTM

A Revista Inova Ciência & Tecnologia / Innovative Science & Technology Journal (RICT/ISTJ), publicada pela EDITORA IFTM, é bem avaliada pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES).

Confira a classificação por áreas no Qualis-CAPES 2017:

ENSINOB3
EDUCAÇÃOB4
ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA E DE EMPRESAS CIÊNCIAS CONTÁBEIS E TURISMOB4
CIÊNCIAS AGRÁRIAS IB5
ENGENHARIAS I (Ciência da Computação)B5
CIÊNCIA DOS ALIMENTOSC

O Qualis 2017 é um conjunto de procedimentos utilizados pela CAPES para estratificação da qualidade da produção intelectual dos programas de pós-graduação.

Atualmente, a Revista Inova Ciência & Tecnologia possui 6 indexadores:

Indexadores

Abbreviated key title         Rev. Inova Ciênc. Tecnol. (Online)