AVALIAÇÃO FOLIAR DE SUBSTÂNCIA HÚMICA EM MUDAS DE ALFACE AMERICANA

Ana Luiza da Silva Vieira, Eduardo Bucsan Emrich, Lavínia Aris de Souza Costa, Francisco Augusto Gomes Ribeiro, Daniel Frederico Marcelino de Melo, Roberta Pereira Soares Emrich, Robson Genei Salum Simões Júnior

Resumo


A alface é a hortaliça folhosa mais popular no mundo. Para que se obtenha um cultivo bem-sucedido é de extrema importância a produção de mudas de qualidade. A adubação foliar vem sendo muito utilizada na produção dessas mudas, permitindo que as plantas cheguem ao campo em condições adequadas de desenvolvimento e uniformidade. Este tipo de tratamento auxilia, também, na complementação da adubação via solo, possibilitando que possíveis carências nutricionais sejam corrigidas, mesmo antes do transplantio, tornando as mudas mais bem nutridas e as plantas mais produtivas. As substâncias húmicas (SH) constituem-se do produto final de decomposição de resíduos orgânicos e representam o principal componente da matéria orgânica em água, solos e sedimentos, sendo compostos por ácidos fúlvicos, ácidos húmicos e humina. Devido aos poucos estudos sobre as substâncias húmicas o presente trabalho objetivou avaliar diferentes doses de SH (0; 1,5; 3,0; 4,5; 6 ml L-1) aplicadas via foliar em mudas de alface. As características das mudas, massa fresca, massa seca, e tamanho das mudas foram influenciadas significativamente pelas doses aplicadas de SH em relação à testemunha. O número de folhas por plantas não foi influenciado pelos tratamentos utilizados. Os melhores resultados foram obtidos com a maior dose testada, 6 ml L-1.

Palavras-chave


Fertilizantes; Lactuca sativa L.; Biofertilizante

Texto completo:

PDF

Referências


AYUSO, M.; HERNANDEZ, T.; GARCIA, C.; PASCUAL, J.A. Stimulationofbarleygrowthandnutrientabsorptionbyhumicsubstancesoriginatingfromvariousorganicmaterials. Bioresource and Technology, 57: 251-257, 1996.

BALDOTTO, MarihusAltoé; BALDOTTO, Lílian Estrela Borges. Ácidos húmicos. Florestal: Revista Ceres, 2014.

FREITAS, Gilson Araújo de et al. Influência de Frações de Ácidos Húmicos na Produção de Mudas de Alface. Gurupi: Uft, 2014.

GLOBO, Ana Gomes. A importância dos ácidos húmicos e fúlvicos na agricultura. Campinas: Pacific Agro, 2012. Disponível em: . Acesso em: 16 nov. 2016.

HERNANDEZ, Orlando L. et al. Humicsubstancesfromvermicompostenhanceurbanlettuceproduction. Paris: Inra, 2014.

LOPES, Jane Luísa Wadaset al. Crescimento de mudas de alface em diferentes substratos. Revista Biotemas, Botucatu, v. 25, n. 16, p.5-15, dez. 2007. Disponível em: . Acesso em: 16 nov. 2016.

LUZ, José Magno Q et al. Aplicação foliar de fertilizantes organominerais em cultura de alface. Uberlândia, Horticultura Brasileira, 2010.

MARCHI, Edilene Carvalho Santos. Influência da Adubação Orgânica e de Doses de Material Húmico Sobre a Produção de Alface Americana e Teores de Carbono no Solo 50 f. Tese (Doutorado) - Curso de Agronomia, Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2006.

MOCELLIN, Ricardo S. P. Príncipios da Adubação Foliar. Canoas: Fertilizantes Omega Ltda., 2004. Disponível em: . Acesso em: 16 nov. 2016.

OLIVEIRA, Eliezer Augusto Baeta de. Avaliação de Métodos Alternativos para Extração e Fracionamento de Substâncias Húmicas em Fertilizantes Orgânicos. 53 f. Dissertação (Mestrado) - Curso de Curso de Pós-graduação em Agricultura Tropical e Subtropical, Instituto Agronômico, Campinas, 2011.

SANTOS, Antônio Carlos Martins dos et al. Concentração de Ácido Húmico e Nitrogênio na Produção de Mudas de Lactuca sativa. In: I ENCONTRO DE CIÊNCIA DO SOLO DA AMAZÔNIA ORIENTAL, 1., 2014, Guripi. Anais... Gurupi: Sociedade Brasileira de Ciência do Solo, 2014. p. 73 - 82.

SANTOS, Cristiane Alcatarados. Substância Húmica e seu efeito em atributos químicos e biológicos do solo e na produção vegetal. 2014. 94 f. Tese (Doutorado) - Curso de Agronomia, Usp, Piracicaba, 2014.

SILVA, R.M.; JABLONSKI. A. Uso de ácidos húmicos e fúlvicos em solução nutritiva na produção de alface. EGATEA: Revista da Escola de Engenharia, 23: 71-78, 1995.

STEINER, Fábio; PAVAN, Felipe Otávio Brito. Benefícios dos bioestimulantes na produção de mudas de alface. Campo e Negócio Hortifrúti, Ourinhos, v. 30, n. 8, p.05-30, 23 fev. 2015.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.

Abbreviated key title:   An. Semin. Pesqui. Inov. Tecnol.